Logomarca

Últimas notícias

São Gabriel, 08/05/2021

PREFEITO PREGA UNIÃO NAS AÇÕES DE APOIO A SAÚDE DA SANTA CASA E COMBATE A COVID-19.

São Gabriel, 06/04/2021


Prefeito recebeu líderes de bancada da oposição e vereadores de situação

PREFEITO PREGA UNIÃO NA APLICAÇÃO DE AÇÕES DE APOIO A SAÚDE DA SANTA CASA E AÇÕES DE COMBATE A COVID-19.

O prefeito Rossano Gonçalves reuniu os vereadores da Base de Situação no Poder Legislativo Municipal e líderes de bancada para apresentar relatórios das atividades do Hospital de Santa Casa de Caridade e cronogramas de ações de combate a Covid-19 desenvolvidas pelo governo de São Gabriel. Em pauta, com destaque, a situação do hospital, que atualmente registra lotação de 100% em leitos de UTI/Covid e quase 100% Leitos de atendimento clínico (levando em consideração que o Hospital ampliou de 31 para 60 o número de vagas). Hoje, a instituição tem 12 pacientes no Pronto Atendimento aguardando liberação de leitos.

A reunião aconteceu no salão de atos da Prefeitura e contou a com a presença dos vereadores Sido Cabreira (PDT), Professor Irío Trindade Rodrigues (PDT), Rodrigo Machado (PSD), Renato Silveira (PSDB), Jana França (Podemos), Raniere Silva Moreira (DEM), Pai Moisés Marques(PL) e Claudiomiro Borges (PL). Por videoconferência, participaram os vereador Márllon Maciel (PP) e Malu Bragança (Patriota). A reunião ainda contou com a participação do vice-prefeito Lucas Menezes e da secretária da Saúde Kátia Raposo.

Anunciada ontem, uma decisão da Administração da Santa Casa repercutiu em todo o Estado. A provedoria decidiu que vai solicitar a transferência dos pacientes que necessitam de tratamento intensivo para outros hospitais. A alegação é que faltará medicamentos para sedação dos pacientes que ocupam leitos de UTI.

“A informação que tenho é essa: não faltaram medicamentos, ainda! Mas vai faltar. Até hoje, a Santa Casa convive com a escassez de medicamentos, problema que todos os hospitais do Estado também enfrentam. Inclusive, o hospital vem tentando comprar há mais de um mês, mas não consegue. Já foi criado até um consórcio de hospitais para adquirir fora do País. Atualmente, os medicamentos são disponibilizados pela Secretaria Estadual da Saúde, mas o governo manda a conta-gotas”, argumentou o prefeito.

Nesta terça-feira (06/04), segundo a Comunicação Social do Piratini, São Gabriel receberá uma nova remessa de medicamentos. A administração da Santa Casa informa que a quantidade ofertada pelo Estado garantirá o atendimento de pacientes por quatro dias. O prefeito Rossano Gonçalves conseguiu, ainda, articular com os gestores municipais de Santana do Livramento e Rosário do Sul a cedência de alguns medicamentos, minimizando a situação por alguns dias.

ÓBITOS EM SÃO GABRIEL

Para combater mentiras e denunciar notícias falsas, o prefeito explicou como  funcionam os repasses para custeio dos leitos de UTI/Covid de São Gabriel. Segundo ele, o Hospital recebe R$ 1.600,00 por cada leito ocupado. Não há repasse algum para caso de óbito. “O hospital tem um valor fixo por leitos cadastrados. Vai receber por esses leitos sempre que estiverem ocupados. É importante destacar que, o valor repassado pelo Estado não cobre a totalidade das despesas… o gasto diário com o paciente em um leito de UTI é bem superior a R$ 1.600,00”, argumentou o prefeito, embasado em informações da Santa Casa.

“É falsa essa informação de que o Hospital ganha por paciente morto com Covid”, ressaltou Rossano ao pedir a união dos vereadores para combater as chamadas “fake news”, ressaltando ainda que o aumento de óbitos foi semelhante em todo o país em decorrência da agressividade da nova variante do vírus.

“A Santa Casa viveu nos últimos dias momentos difíceis. Momento de angústia para todos os profissionais. Não foi justo. Redes sociais foram usadas para denegrir a imagem da instituição. Precisamos preservar a instituição, pois todos precisamos da Santa Casa”.

NÚMERO ABAIXO DA MÉDIA ESTADUAL

A regiões da 10ª Coordenadoria da Saúde, com sede em Alegrete, tem  117% de ocupação de leitos UTI na Região. O Município de Uruguaiana, tem 18 leitos cadastrado, está 41 leitos ocupados, com pacientes espalhados pelo hospital.

São Gabriel, de 31 leitos clínicos, passou para 60 e já está bem próxima de atingir o 100% de ocupação.  A Secretaria Municipal da Saúde informou que 56 leitos estavam ocupados, o que corresponde a 83%. O Hospital está com 94% dos respiradores ocupados.

VACINAÇÃO - a Campanha de Vacinação foi outro tema debatido com os vereadores. O prefeito informou sobre o processo de imunização de idosos que receberam a primeira dose entre 12 e 17 de março, que inicia nesta quarta-feira e explicou como vai funcionar a Campanha após concluída a fase de vacinação dos idosos. “Sempre lembrando, que os cronogramas são aprovados pela Secretaria Estadual de Saúde e o Município tem a obrigação de cumpri-los”, assinalou.


Copyright © 2021-2024 - Cópia do conteúdo autorizada desde que citada a fonte.
Horário de Atendimento: Seg à Sex, das 08:00 às 14:00